Sobre o autor

Conheça Thêmis

Rimando 

Rimas me nascem, 

mas do grotão 

de meu coração, 

e não da gramática, 

nem da arte nefelibática. 

 

Se perco a sonoridade, 

logo uma entidade angelical 

me acaba com o mal, 

soprando aos meus ouvidos 

a musicalidade e o versos perdidos. 

 

Assim, rimo minhas rima(s) 

rio abaixo e rio acima 

e só isso já me anima...  

 

Olao (Bsb, nov/1996 - 0:10h)